Governo não tem «nenhum rigor»