Ana Gomes defendeu, esta quinta-feira, em declarações à TVI24, a imposição de sanções da Europa às figuras de topo do regime ucraniano.

No entanto, a eurodeputada socialista apontou críticas à União Europeia, dizendo que a Europa foi hesitante na atuação, quando há meses se percebe que o povo ucraniano tem sido vítima do despotismo da governação de Yanukovitch.

«Do lado europeu tem havido contradições», afirmou Ana Gomes.