O secretário-geral do PS, António José Seguro, disse, esta quarta-feira, estar «extremamente preocupado» face às notícias sobre os prejuízos do Banco Espírito Santo (BES) e exigiu que as «autoridades responsáveis esclareçam toda a verdade», porque «os portugueses merecem».

«Manifesto a minha grande preocupação com os números divulgados hoje. Porque não eram estas as informações que eu tinha, nem eram estas as informações, nomeadamente pelo Governador do Banco de Portugal. Os portugueses não podem ter mais surpresas negativas provenientes do sistema financeiro e do sistema bancário português», declarou António José Seguro.

O líder socialista, que falava aos jornalistas à entrada de um encontro com militantes e simpatizantes do PS que hoje à noite está a decorrer em Vila Nova de Gaia, vincou ser «necessário que se esclareça de uma vez por todas toda a verdade».

«Os portugueses têm o direito de saber o que se passou ao longo deste tempo. São notícias preocupantes e que exigem das autoridades responsáveis um esclarecimento», rematou o também candidato às primárias do PS, que se realizam em 28 de setembro, tendo como adversário António Costa.