O deputado do CDS-PP Madeira na Assembleia da República vai voltar a votar contra o Orçamento do Estado. A decisão de Rui Barreto resulta da reunião do Conselho Regional do CDS-PP Madeira, realizada no domingo à noite. Uma decisão que o próprio confirmou depois em conferência de imprensa conjunta com o líder centrista madeirense, José Manuel Rodrigues.

Rui Barreto está suspenso da atividade partidária por ter furado a disciplina de voto no último Orçamento, mas diz-se de «consciência tranquila», mesmo que venha a ser expulso do partido.