Eurogrupo: abdicar de última tranche é «decisão soberana»



o executivo «não decidiu prescindir da última tranche»



Ministra reconhece que DEO terá de ser atualizado





Governo reintroduz cortes salariais de 2011