O presidente da comissão de Assuntos Constitucionais, Fernando Negrão, disse esta quarta-feira que será retomada na próxima semana, em comissão, a discussão sobre o projeto de lei do PS que permite a coadoção de crianças por casais homossexuais.

Em declarações à Agência Lusa, o deputado disse que na reunião desta quarta-feira «o PS pediu que se desse continuidade ao processo legislativo», ficando para a próxima reunião, «de hoje a oito dias, discutir a metodologia de discussão e votação».

O projeto foi aprovado na generalidade a 17 de maio mas o processo legislativo ficou suspenso após a entrada de uma proposta de referendo sobre a matéria, que foi chumbada pelo Tribunal Constitucional.

«Estando isso concluído, vamos agora retomar a discussão», disse Fernando Negrão, admitindo que o diploma possa ir a votação final global na próxima semana.

Esta quarta-feira, na reunião da conferência de líderes, o PS manifestou a expectativa de que o processo decorresse sem percalços, adiantou o porta-voz, deputado Duarte Pacheco.

Sobre o assunto, o PSD manifestou o desejo de que a iniciativa não fosse votada em votação final global na próxima sexta-feira, tendo em conta a realização do Congresso do Partido Popular Europeu, ao qual assistirão alguns deputados que teriam assim que faltar à votação no parlamento português.