Notícia atualizada às 18:04





juízes do Palácio Ratton consideram não existem ambiguidades ou obscuridades na decisão relativa ao Orçamento do Estado para 2014







«Isto não é um problema jurídico»







A «iliteracia constitucional» do Governo





Tribunal Constitucional «esteve bem»