Numa entrevista ao «Diário de Notícias, Pedro Santana Lopes diz sonhar com várias candidaturas e avança com um nome: Paulo Portas.

 

«Há muito tempo que sempre tive essa ideia. Não excluo de todo que possa ser um dos candidatos a Belém e isso contribuirá para que possa haver várias candidaturas à direita e à esquerda na primeira volta, o que é o meu sonho há muitos anos».

Já sobre Marcelo Rebelo de Sousa, o atual provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa não tem qualquer dúvida que avançará.

 

«Objetivamente que é candidato ou pré-candidato. Sobre isso, quem queira ignorar isso… Se votaria nele? Não sei, dizer o voto à partida… Não sei».

E o próprio Santana Lopes? Será candidato? «Se eu chegar à altura, e para mim a altura é depois de outubro, e sentir que há um chamamento…», respondeu.

 

Sobre as eleições legislativas, o antigo primeiro-ministro não antevê quem as vencerá e diz que nem Passos Coelho nem António Costa apresentaram ainda um projeto para o futuro.