Terminou a campanha de Sampaio da Nóvoa e o candidato terminou-a com uma certeza:  "isto é certo que vai acontecer um grande momento na nossa vida!"

O dia começou com um almoço na Cervejaria Trindade, uma das tradições do PS que Nóvoa cumpriu no 13º dia de campanha. A segunda, cumpriu-a assim que acabou de almoçar: juntou-se à multidão e desceu o Chiado acompanhado por ela.

Foi a arruada que mais gente juntou durante toda a campanha e nem a chuva fez desmobilizar os apoiantes. E o apoio sentido nas ruas não passou despercebido ao candidato.

"É aqui na rua, nas ruas da democracia que se ganham as batalhas presidenciais, não é fora da rua, nem fora da democracia. É estando com as pessoas, estando com elas, sentindo o seu apoio."


Para Sampaio da Nóvoa, que nesta descida contou com o apoio do filho e de vários ilustres (Edite Estrela, Gabriela Canavilhas, Isabel Moreira, Teresa Salgueiro, Rosa Mota, entre outros), "é esta candidatura que vai ganhar estas eleições para voltarmos a ter na presidência da República um presidente da constituição, das igualdades e das oportunidades".

"Hoje é claro que é nesta candidatura que está a mudança, que está a convergência, que está a abrangência de toda a gente. (...) Faltam oito horas para o fim desta campanha eleitoral. Vamos dar tudo para não nos arrependermos de nada. Domingo vamos ganhar estas eleições!"


Ainda não eram 16:00 quando a Sampaio da Nóvoa entrou numa das carrinhas da caravana para sair da rua Augusta. Para trás tinha ficado o Chiado e a rua Augusta, numa descida em passo acelerado acompanhado por centenas de pessoas.

"Es muy guapo"


Sampaio da Nóvoa já deveria estar habituado aos piropos, afinal já passou pelos mercados de Espinho, Barcelos e Braga, mas o candidato talvez não estivesse à espera de os ouvir da boca de Pilar del Rio, sua mandatária Nacional para os Movimentos Sociais e Cidadania.

"Vou dizer uma coisa sobre Sampaio da Nóvoa que mais ninguém vai dizer: es que es muy guapo (é que é muito bonito)!" 


A frase fez a plateia reagir divertida ao atrevimento de Pilar del Rio e deu uma ajuda no início do discurso d e Gabriela Canavilhas.

"Com apoiantes como esta fantástica sala e Pilar del Rio, ninguém segura esta candidatura professor!"


Nem a candidatura, nem a multidão que estava presente na Aula Magna para ouvir o último discurso de campanha de Sampaio da Nóvoa.

O candidato subiu a palco depois de Correia de Campos ter discursado e ter afirmado que "para termos um amigo em Belém, é a Sampaio da Nóvoa que entregaremos a República".

Palmas e mais palmas, mas a ovação foi mesmo para o candidato que teve de esperar alguns momentos antes de poder dar início ao discurso da noite. O discurso no qual voltou a ficar claro que Sampaio da Nóvoa acredita firmemente numa segunda volta e que este comício foi apenas e somente isto: "o primeiro comício da segunda volta".

Até porque Sampaio da Nóvoa deixou claro que não vai deixar de desistir dos portugueses Afinal, tal como diz o vídeo de apresentação da candidatura: "as pessoas são o melhor que um país tem".


"As eleições não são um concurso de popularidade. (...) Para mim o povo não é um mero espectador... para mim o povo é a cidadania!"


As eleições presidenciais acontecem este domingo, dia 24 de janeiro.