"As eleições de ontem [domingo] resultaram numa difícil situação para o nosso país e numa pesada derrota para o nosso movimento", realça o Livre/Tempo de Avançar.