António José Seguro marcou para esta tarde, pelas 17:30, uma reunião na sede do PS, no Largo do Rato, com António Costa, apurou a TVI. A reunião terminou pouco antes das 18:50.

O autarca de Lisboa chegou pouco depois da hora marcada. À chegada de António Costa estava já um batalhão de jornalistas, mas o socialista recusou prestar declarações, adiantando que falaria à saída com os jornalistas. Entre a confusão de jornalistas um fotógrafo tropeçou num tripé e caiu ao chão, tendo António Costa ajudado o repórter a levantar-se e endireitado o tripé.

A reunião entre o atual líder do partido e o autarca de Lisboa surge depois de António Costa ter anunciado que estava disponível para se candidatar à liderança do PS e do país.

António Costa já tinha adiantado aos jornalistas que tinham solicitado a reunião ao secretário-geral do PS. No encontro, os dois socialistas deverão discutir como irá decorrer o «combate» pela liderança.

A direção do partido já fez saber que António Costa terá que reunir as assinaturas necessárias para a realização de um congresso extraordinário para ser eleito. No entanto, durante esta quarta-feira, António José Seguro tem sido fortemente pressionado a convocar eleições diretas.

As diferentes posições motivaram já uma demissão no partido. Jorge Lacão, apoiante de António Costa, deixou o cargo no Secretariado Nacional por divergências em relação à linha da atual direção liderada por Seguro.

O tempo é de contagem de espingardas no PS.