«Aquilo que aconteceu na Grécia [vitória da esquerda nas legislativas de 25 de janeiro deste ano], também pode, eventualmente, acontecer em Espanha» e mesmo em Portugal, se se continuar a cavar «o fosso entre os partidos mais moderados e as pessoas»












Presidenciais