polémica em torno da questão das subvençõesTribunal Constitucional

“Eu nunca abdico de nenhum dos meus direitos. Depois como eu os exerço é uma decisão minha, individual”, disse.

“E mais: eu não tenho de pedir desculpa por este ou aquele direito. Não fui eu que os atribuí. Nem sequer fui eu que os atribuí a mim própria. Não abdico de nenhum dos meus direitos e é por não abdicar de nenhum dos meus direitos que defendo os direitos dos outros”, reforçou





VEJA TAMBÉM:
Subvenções: José Junqueiro chama "euromilionária" a Marisa Matias


deputados subscritores

“Estou disponível para confrontar a minha folha de vencimentos como deputada com a folha de vencimentos ao Parlamento Europeu da deputada Marisa Matias. Mas integralmente.”




respondeu