Maria de Belém e Henrique Neto estiveram esta segunda-feira frente-a-frente, num debate marcado por ataques do empresário à ex-ministra da Saúde, que acusou de ser uma candidata de fação dentro do PS.

Na RTP1, Neto afirmou não compreender como “alguém que foi durante seis anos ministra do Partido Socialista, que foi até há relativamente pouco tempo presidente do Parido Socialista, que foi escolhida por uma fação, de um grupo dentro do interior do partido (...), se apresenta ao país como uma candidata independente”.

Em resposta, Maria de Belém negou ser “candidata de fação”, defendendo que “as candidaturas resultam de uma iniciativa e impulso de cidadania, e devem ser independentes dos partidos”.

Ambos os candidatos são, recorde-se, militantes socialistas.

Veja aqui o calendário completo dos debates televisivos entre os 10 candidatos presidenciais.