A porta-voz do BE, Catarina Martins, afirmou neste domingo que a vitória da direita é "uma derrota para a esquerda", mas que o partido "fez tudo o que podia", criticando a "ambiguidade" que "não mobiliza ninguém" e a "desistência".
 

"A vitória da direita nestas eleições é uma derrota para a esquerda, da qual devemos retirar lições. A ambiguidade não mobiliza ninguém e a desistência é sempre o pior dos caminhos. Nunca é o caminho do Bloco de Esquerda", afirmou Catarina Martins no discurso que fez na noite eleitoral da candidata presidencial apoiada pelo BE, Marisa Matias.


Destacando que a votação de Marisa Matias "é o maior resultado numas presidenciais à esquerda, o maior de sempre da área política do BE", a porta-voz bloquista assumiu que "o primeiro dos objetivos, a segunda volta, não foi alcançado".

"Dizemo-lo com a tranquilidade de quem fez tudo o que podia na luta por uma segunda volta", atirou.