As comemorações do 40.º aniversário do 25 de Abril de 1974 no Parlamento vão decorrer entre 2 de abril e 30 de junho e incluem concertos evocativos da obra de Zeca Afonso e de Rodrigo Leão.

Segundo comunicado do gabinete da Presidente da Assembleia da República, divulgado nesta quarta-feira, o grosso do programa vai começar quinta-feira, 24 de abril, com a atuação dedicada ao cantautor de «Grândola, Vila Morena», às 21:00, no átrio principal do Palácio de São Bento e protagonizado pelos Capas Negras e outros artistas convidados.

A tradicional sessão solene e respetivos discursos acontecerão, como habitualmente, no dia da «Revolução dos Cravos», pelas 10:00, no hemiciclo.

«O programa, que arrancou de uma proposta levada pela Presidente à conferência de líderes, ganhou ainda os contributos dos grupos parlamentares. Este ano é mais intenso e extenso por ser o 40.º aniversário do 25 de Abril. Durante a sua elaboração, foram contactados os demais órgãos de soberania no sentido de se evitar a sobreposição de iniciativas», lê-se no texto.

O músico Rodrigo Leão será a estrela da noite de sábado, 26 de abril, com um concerto na escadaria principal da Assembleia da República, igualmente previsto para as 21:00.

Entre quinta-feira e sábado, com o «Palácio de São Bento Aberto ao Público», a população vai poder visitar as instalações e assistir a exibições de bandas militares e escolas musicais e visionar o filma «Continuar a Viver ou os Índios da Meia-Praia», do realizador António Cunha Telles.

A partir de 16 de abril e até 30 de junho estará instalada no andar nobre do Parlamento a exposição «O Nascimento de uma Democracia», havendo uma sessão de poesia sobre a revolução no dia seguinte, no salão nobre.

No centro de acolhimento ao cidadão, no edifício novo de São Bento, vai decorrer ainda um ciclo de cinema dedicado à data, entre 2 e 23 de abril, enquanto a sala do senado vai receber a conferência «Os Novos Paradigmas do Futuro», a 29, e uma atuação da companhia de teatro «A Barraca», a 30.

A Assembleia da República vai também apoiar diversas edições com a coleção «Imagens e Documentos - O Nascimento de uma Democracia».