A Comissão Política Nacional do PSD decidiu hoje nomear o seu vice-presidente Marco António Costa coordenador deste órgão diretivo, substituindo nessas funções Jorge Moreira da Silva, nomeando-o também porta-voz do partido. Marco António Costa deixa assim o Governo e assume novas funções no PSD.

Esta decisão foi comunicada através de uma nota enviada à comunicação social, assinada pelo secretário-geral do PSD, José Matos Rosa, cerca de meia hora antes de Jorge Moreira da Silva tomar posse como ministro do Ambiente, Ordenamento do Território e Energia.

Esta nota divulgada pelo PSD refere que Jorge Moreira da Silva, embora deixe as funções de coordenador, «manter-se-á no cargo de vice-presidente da Comissão Política Nacional» e adianta que a nomeação do também vice-presidente Marco António Costa para coordenar a direção social-democrata e ser porta-voz do PSD foi decidida «sob proposta do presidente [do partido]», Pedro Passos Coelho.

Marco António Costa é, desde que o Governo PSD/CDS-PP iniciou funções, em junho de 2011, secretário de Estado da Solidariedade e Segurança Social e, como Jorge Moreira da Silva, integra a direção nacional social-democrata, como vice-presidente, desde que Pedro Passos Coelho assumiu a liderança do partido, em 2010.

Em 2012, Jorge Moreira da Silva subiu a primeiro vice-presidente da Comissão Política Nacional do PSD, com funções de coordenador da direção nacional social-democrata.

«A Comissão Política do PSD, na sua reunião de hoje, 24 de julho de 2013, sob proposta do presidente, deliberou nomear o vice-presidente da Comissão Política Nacional, doutor Marco António Costa, como coordenador permanente da Comissão Política Nacional e porta-voz do partido. O engenheiro Jorge Moreira da Silva manter-se-á no cargo de vice-presidente da Comissão Política Nacional», lê-se na nota enviada pelo PSD.