O trabalho científico é realizado por um núcleo de investigadores pertencentes a várias instituições universitárias e surge reunido agora num site com nome apelativo: POPSTAR (Public Opinion and Sentiment Tracking, Analysis, and Research).

Segundo explica o cientista político Pedro Magalhães, trata-se de um projecto de investigação do Instituto de Ciências Sociais da ULisboa, do INESC-ID, da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto e do Núcleo de Investigação em Políticas Económicas da Universidade do Minho, financiado pela Fundação para Ciência e Tecnologia.

«O objectivo do POPSTAR é desenvolver ferramentas de recolha, medição e agregação de opiniões políticas e económicas veiculadas no Twitter, na blogosfera e nas notícias, assim como o de comparar os dados assim gerados com indicadores mais convencionais de opinião pública, nomeadamente os obtidos através de inquéritos por questionário (sondagens)», refere, explicando que os conteúdos podem começar a ser consultados no site oficial do projeto.

Uma das vertentes mais curiosa é o buzz, que agrega a frequência (absoluta e relativa) com que os políticos são mencionados no Twitter, nas notícias online ou na blogosfera. «Os dados vêm de uma plataforma denominada POPmine, desenvolvida pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto e os Labs Sapo UP», frisa o responsável, acrescentando que com estes dados é possível acompanhar dia a dia a «notoriedade» dos líderes políticos, determinar que dias foram «picos» de cobertura para cada um deles e «perceber em que medida vão sendo mais ou menos mencionados em comparação uns com os outros e em três suportes distintos», numa «informação é actualizada diariamente».

Paralelamente, também vai ser medido o sentimento em relação aos principais líderes político-partidários no Twitter. «Analisando a polaridade de cada tweet, ou seja, determinando se este expressa um sentimento positivo, negativo ou neutro em relação a cada um dos alvos, é possível construir indicadores globais que indicam tendências», explica Pedro Magalhães no seu blog.

«Há todo um mundo a explorar para além da previsão de eleições com o Twitter. Essa exploração é o objectivo do POPSTAR. Ao longo dos próximos meses, o blogue do POPSTAR vai ser o local onde deixaremos as nossas ideias e análises», anuncia Pedro Magalhães.