não se recandidatará



Paulo Portas concorreu em coligação com o PSD às últimas legislativas de 4 de outubro

Paulo Portas foi vice-primeiro-ministro

em julho de 2013

abandonou o Ministério dos Negócios Estrangeiros para ser o ‘vice' do Governo

Vítor Gaspar

demissão

























compra de dois submarinos