O cabeça de lista da "Aliança Portugal" (PSD/CDS-PP) desafiou o cabeça de lista do PS a não ter «medo» de discutir questões europeias, acusando-o de não comparecer em debates marcados ou de, «à última hora», fazer-se substituir.

Francisco Assis diz que Rangel está num «desespero absoluto»

«A grande pergunta é: onde está Francisco Assis?» - questionou o cabeça de lista da coligação PSD/CDS-PP, Paulo Rangel, em declarações à Lusa.

«Faço um desafio, que Francisco Assis apareça e aceite fazer debates. Queremos debater questões europeias. Não sabemos se tem receio ou medo, mas talvez seja receio das questões europeias», declarou.

Paulo Rangel diz que Assis «está totalmente desaparecido, aparece com agenda negativa de ataque ao Governo», as «poucas vezes que aparece, e não é ofuscados por António José Seguro, é para falar de assuntos nacionais».

Segundo o cabeça de lista da coligação "Aliança Portugal", «sistematicamente, Francisco Assis não aceita comparecer nos debates ou, à última hora, faz-se substituir», afirmando que «é a quarta vez consecutiva que isso sucede».

Para um debate na próxima terça-feira, Assis, far-se-á substituir por Elisa Ferreira, disse Rangel.

Esse motivo tem levado também Paulo Rangel a cancelar a sua participação em debates.

«Estamos num momento crucial da construção europeia, com um impacto enorme na vida portuguesa, e os portugueses precisam de ser esclarecidos», argumentou, considerando que o «grande debate» é entre os projetos da "Aliança Portugal" e do PS e que os cabeças de lista devem «assumir responsabilidades».