O presidente do PSD e primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, anunciou este domingo que convidou Joaquim Azevedo, da Universidade Católica Portuguesa, para chefiar uma equipa multidisciplinar que, em três meses, prepare um plano de ação na área da natalidade.

«Convidei o sr. professor Joaquim Azevedo da Universidade Católica Portuguesa para chefiar uma equipa multidisciplinar que, nos próximos três meses, nos deva habilitar a poder, com os outros partidos, com os parceiros sociais, formar um programa de ação que sirva para a nossa discussão na União Europeia e em Portugal», afirmou Passos Coelho, no encerramento do XXXV Congresso do PSD, em Lisboa.

O líder social-democrata referiu que o Governo irá «a seu tempo» tomar «uma iniciativa clara» na área da natalidade, mas sublinhou ser importante que os partidos assumam também as suas responsabilidades.

«Hoje, como presidente do partido, quero aqui dizer que, tal como decorre da minha moção de estratégia, nós iremos dedicar ao tema da natalidade uma importância crucial», garantiu.

Joaquim Azevedo é professor catedrático da Universidade Católica Portuguesa e presidente do Centro Regional do Porto daquela instituição.

Passos Coelho disse que o declínio da natalidade em Portugal e na Europa é «um tema crítico» e que coloca em causa a sustentabilidade do Estado social.

«Esta é uma tarefa que a todos convoca», apelou.