A maioria parlamentar PSD/CDS-PP chumbou esta quinta-feira o projeto de lei do Bloco de Esquerda (BE) para atribuição do subsídio social aos desempregados de longa duração até que estes encontrem emprego ou se reformem.

O projeto do Bloco foi chumbado com os votos contra de PSD e CDS-PP, a abstenção do PS e a «luz verde» de PCP e partido ecologista «Os Verdes».

Durante o debate, os partidos da maioria acusaram o Bloco de «eleitoralismo» por trazer a discussão sobre os apoios sociais aos desempregados para cima da mesa numa altura em que as eleições europeias estão a poucas semanas de distância.

«Não há eleitoralismo. As respostas têm de ser dadas hoje porque amanhã é tarde de mais», disse o líder parlamentar bloquista, Pedro Filipe Soares, na intervenção final do debate desta tarde.