Numa primeira reação às projeções divulgadas pelas televisões, a satisfação da ministra das Finanças está estampada no rosto, mas Maria Luís Albuquerque prefere aguardar pelos resultados: "Vamos aguardar para saber qual o resultado final", mas "todos sabem" que estamos "disponível para continuar a servir Portugal".

No hotel onde a coligação Portugal à Frente instalou o quartel-geral, Maria Luís Albuquerque admite aos jornalistas que está "muito satisfeita" com os dados conhecidos até agora.

Já sobre continuar na pasta das Finanças, a ainda ministra repete o que disse durante a campanha: "Essa decisão compete apenas ao primeiro-ministro".

Em Setúbal, durante a volta pelo país, Passos Coelho disse, ao lado de Maria Luís Albuquerque - ambos sorridentes com a pergunta dos jornalistas - que "já tinha na cabeça" o nome para o Ministério das Finanças.