Constança Cunha e Sá mostrou-se, esta quarta-feira, de acordo com o ponto de vista da agência Moody's de que é indiferente que Portugal saia do programa de ajuda externa de uma forma limpa ou com um programa cautelar. Na TVI24, a comentadora sublinhou que, seja qual for o cenário, a condicionalidade vai existir na mesma e a austeridade vai manter-se.

«O ponto é que, independentemente do programa cautelar ou de uma saída limpa, o ponto é que Portugal vai sair muito mal disto. E a saída limpa já toda a gente percebeu que é um cenário catastrófico. Tendo em conta as taxas de juro, as perspetivas de crescimento e o endividamento de Portugal, uma saída limpa é uma loucura neste momento», defendeu Constança Cunha e Sá no espaço de análise nas «Notícias às 21:00».

VÍDEO: veja aqui o comentário de Constança Cunha e Sá na íntegra