Constança Cunha e Sá afirmou, esta terça-feira, na TVI24, que «o que se prepara é uma saída limpa ou um programa cautelar fortíssimo», referindo ainda que acha «estranho a mudança de opinião de Durão Barroso sobre pós-troika».

«Acho interessante que Durão Barroso, que em janeiro veio defender a necessidade de um programa cautelar, venha defender agora uma saída limpa. E com base em quê? Não se percebe», afirma a comentadora da TVI24.