António Capucho diz que as nomeações de Maria Luís Albuquerque e de Rui Machete foram «profundamente imprudentes». Num debate na TVI24, Ana Gomes, João Semedo e António Filipe uniram-se a pedir a demissão da ministra das Finanças. Teresa Anjinho, deputada do CDS, ficou sozinha a defender Maria Luís Albuquerque.

«Houve duas nomeações profundamente imprudentes: ministra das Finanças e Rui Machete», disse António Capucho, enquanto João Semedo foi mais longe: «Muito mau tom, muito mau gosto, acho que é uma indecência, é um abuso chamar ao governo Rui Machete».

Para António Filipe «a ministra não está numa posição fragilizada, mas numa posição insustentável», enquanto Teresa Anjinho tem outra opinião: «Nada me leva a crer que a ministra das Finanças está a faltar à verdade».

«Eu se estivesse no lugar da ministra já não estava. Já me tinha demitido», concluiu Ana Gomes.