Constança Cunha e Sá afirmou, esta terça-feira, na TVI24, que «não se percebe muito bem qual é o papel dos outros ministros na elaboração deste DEO» nem se sabe «o que foi aprovado em Conselho de Ministros».

«Resta saber o que foi aprovado em Conselho de Ministros, porque a ideia que dá é que o conselho de ministros foi assim uma espécie de meeting em que se fez alguns rascunhos sobre o dito DEO. Porque depois do conselho de ministros tem havido sucessivas reuniões do ministro das finanças, do primeiro-ministro, do vice-primeiro-ministro, com a troika, etc. Portanto não se percebe muito bem qual é o papel dos outros ministros na elaboração deste DEO», afirmou a comentadora.