O primeiro-ministro disse que os juízes do Tribunal Constitucional deviam ser mais bem escolhidos, mas para a eurodeputada do PS, Ana Gomes, Passos Coelho é que devia ser sujeito a maior escrutínio.

«É inaceitável o ataque do primeiro-ministro ao TC. Não falo da discordância relativamente à decisão, porque tem todo o direito de discordar, mas do ataque à integridade pessoal dos juízes. Aliás, o mesmo escrutínio podia aplicar-se a Passos Coelho, que tem a Tecnoforma no currículo, e a Paulo Portas que tem os submarinos», argumentou a socialista, nesta sexta-feira, no programa «Política Mesmo» na TVI24.

Já o vice-presidente da bancada parlamentar do PSD acusou o Tribunal Constitucional de ultrapassar os limites dos poderes e de «condenar» o país a uma crise crónica, o que «é um problema gravíssimo».