Miguel Frasquilho diz que o maior prejudicado pela decisão do Tribunal Constitucional é o país que terá agora juros mais altos. O social-democrata admite um aumento de impostos mas diz que gostaria de ver uma suavização das metas por parte da troika.

«Podemos assistir a uma subida dos juros da dívida pública. O aumento de impostos será certamente uma das alternativas», afirmou o deputado no programa Prova dos 9, na TVI24, nesta quinta-feira.

Já o bloquista Fernando Rosas entende que o «Presidente da República devia vetar o orçamento e convocar eleições antecipadas».

João Galamba, do PS, disse «preferir um cenário de eleições antecipadas a prolongar isto».