A Assembleia da República aprovou um voto de pesar pelo falecimento da deputada do PSD Odete Silva, que morreu esta madrugada vítima de doença, recordando o seu empenho à causa pública.

Odete Silva, nascida a 18/9/1971, era deputada eleita pelo círculo de Lisboa na presente legislatura, presidente da comissão política do PSD de Vila Franca de Xira e deputada na Assembleia Municipal daquele concelho, tendo também assumido a direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários da Póvoa de Santa Iria.

Desde cedo se dedicou de forma empenhada à causa pública, abraçando projetos políticos, mas também cívicos", destaca o voto de pesar, recordando também a "mãe extremosa, esposa dedicada, mulher combativa e solidária".

Também o líder parlamentar do PSD, Luís Montenegro, manifestou consternação pela morte da sua colega de bancada Odete Silva, vítima de doença, aos 44 anos.

É um choque muito grande que sentimos no PSD pela partida de uma colega que muito estimávamos e que nos acompanhou na última legislatura e nesta, uma colega com um espírito muito construtivo e jovial", afirmou Luís Montenegro, em declarações à Lusa.

O social-democrata enalteceu ainda o empenho da deputada no trabalho que realizou enquanto dirigente do PSD no distrito de Lisboa e na concelhia de Vila Franca de Xira, à qual presidia.

No parlamento, Odete Silva integrava as comissões de Economia, Inovação e Obras Públicas, a comissão de Saúde, e, como suplente, a comissões de Agricultura e Mar e a comissão de Ambiente, Ordenamento do Território, Descentralização e Poder Local.