«Seremos imunes a pressões ilegítimas ou a interesses setoriais que desvirtuem o nosso dever perante a "res publica"».











«Temos o poder de fazer da nossa Madeira o que quisermos, mas apenas se tivermos a coragem de construir todos os dias um novo começo».