logotipo tvi24

«Romper o acordo com a troika seria um suicídio»

Marques Mendes acusa Seguro de «excesso de demagogia», mas saúda «demarcação» das palavras de Mário Soares

Por: tvi24 / CP    |   2012-05-11 00:10

Marques Mendes elogiou António José Seguro por, na entrevista à TVI, ter garantido que não vai rasgar o acordo assinado com a troika, conforme o apelo de Mário Soares.

«O primeiro ponto positivo foi a demarcação de Mário Soares. Seguro disse que vai cumprir o acordo. Ele não rompeu nem vai romper nunca o acordo, isso seria um suicídio. Alguém que quer ser primeiro-ministro não pode rasgar compromissos», afirmou, na TVI24, acrescentando que o segundo ponto positivo da entrevista foi a garantia dada pelo líder do PS de que vai «manter o consenso político».

Quanto aos pontos negativos, o comentador destacou o «excesso demagogia» e a «política de laboratório», uma vez que a única novidade foi a apresentação de um projeto de resolução.

Partilhar
EM BAIXO: Marques Mendes
Marques Mendes

Francisco Louçã revela «Os Burgueses»
Co-autor de livro sobre quem detém o poder em Portugal explica na TVI24 a obra que se dedica a dissecar as mil pessoas donas de mais de metade do PIB
Reação contra manifesto dos 70 mostra que «atingiu o alvo»
João Cravinho afirmou que a reação feroz troika mostra que o manifesto «atingiu o alvo»
Europeias são momento para «fazer renascer a esperança» em Portugal
«Este presente não pode ser o nosso futuro», afirmou Jorge Sampaio
EM MANCHETE
Queda de muro em Braga mata três universitários
Estudantes eram todos caloiros. «Guerra de cursos» terá estado na origem do acidente
Execução orçamental: défice cai, mas despesa aumenta
Passos quer «fazer a função pública respirar»