Marcos Perestrello, deputado e presidente da Federação de Lisboa do PS, considerou este domingo que a «deriva sectária», que disse ter sobressaído na IX Convenção do BE, dificulta um diálogo à esquerda.

«Há muita gente que gostaria de construir um diálogo à esquerda para uma alternativa política», no entanto «parece que o BE não está interessado», afirmou após o discurso de encerramento da IX Convenção do Bloco de Esquerda, em Lisboa.


O coordenador do Bloco de Esquerda, João Semedo, assegurou este domingo que caso o PS disser que não tem dinheiro para aumentar salários ou baixar impostos, terá de enfrentar o partido nas ruas.

A Convenção do Bloco terminou este domingo sem que ficasse definida a liderança do partido, depois do empate registado para a Mesa Nacional entre as listas da anterior direção, encabeçada pelos coordenadores João Semedo e Catarina Martins, e a de Pedro Filipe Soares, atual líder parlamentar.

A nova Mesa Nacional do BE reúne-se no próximo domingo para debater a futura coordenação do partido.