O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou este sábado que o investimento é um “tema central” para a economia portuguesa, e que o contributo do Fórum para o Investimento, marcado para outubro, pode ser “muito significativo”.

Há um Fórum para a Competitividade há muitos anos, o que há agora de novo é haver, daqui a um mês, uma reunião desse fórum sobre o tema investimento”, frisou à entrada da Casa da Música, no Porto, onde tinha uma visita agendada, mas teve de a cancelar, devido a um atraso.

Para o crescimento económico, o investimento é “muito importante”, portanto, a contribuição desse fórum, presidido pelo empresário Pedro Ferraz da Costa, pode ser “também muito significativa”, realçou.

E acrescentou: “Estão a mobilizar economistas e académicos e a estudar a situação da economia portuguesa, vamos ver a que conclusões chegam”.

O Chefe de Estado, que esta noite assiste a um concerto na avenida dos Aliados, considerou fundamental que, nos próximos anos, a economia portuguesa cresça mais para se consolidar a situação financeira e, sobretudo, criar ainda mais emprego e uma situação mais estável em termos sociais.

Acho que é fundamental conseguir mobilizar mais rapidamente os fundos europeus, os que já estão aí para as empresas e os que vão para as autarquias”, sustentou.

Por outro lado, Marcelo Rebelo de Sousa entendeu que é necessário atrair mais investimento privado, sendo “bom” que isso aconteça nos próximos anos, porque é “importante” para a economia portuguesa.