Marcelo Rebelo de Sousa, eleito Presidente da República no domingo, foi recebido esta quinta-feira durante cerca de 50 minutos no Parlamento pelo presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues.

De acordo com a Lusa, nenhum dos dois prestou declarações aos jornalistas no início nem no final deste encontro.

"Até daqui a bocadinho", limitou-se a dizer Marcelo Rebelo de Sousa, que às 21:00 vai jantar com o primeiro-ministro, António Costa, na residência oficial de São Bento.

Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa entrou nos Passos Perdidos da Assembleia da República às 16:30 em ponto, onde o esperava Ferro Rodrigues.

Perante os repórteres de imagem, cumprimentaram-se e posaram para a fotografia, junto a uma bandeira nacional e a uma bandeira do parlamento colocadas no local para a ocasião.

Depois, seguiram para a sala de visitas do presidente da Assembleia da República, onde decorreu o encontro, que terminou pelas 17:20.

No início da reunião, ainda perante a presença da comunicação social, Ferro Rodrigues ofereceu ao Presidente da República eleito edições de bolso do Regimento da Assembleia da República e da Constituição da República Portuguesa.

No domingo, Marcelo Rebelo de Sousa foi eleito Presidente da República com 52% dos votos. Neste momento, estão apurados 99,81% dos resultados, faltando contabilizar os votos de seis consulados. A sua tomada de posse como chefe de Estado está marcada para 9 de março.

Esta quinta-feira, antes de ser recebido no Parlamento, o professor universitário de Direito e antigo líder do PSD esteve no Palácio de Belém com o atual Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, às 12:30, numa audiência seguida de almoço.

Ainda esta quinta-feira, Marcelo Rebelo de Sousa estará com o primeiro-ministro, António Costa, num jantar na residência oficial de São Bento, às 21:00.

Logo na noite eleitoral, o presidente da Assembleia da República felicitou-o pela sua eleição, desejando-lhe "um mandato de sucessos" e adiantando que se empenhará com "lealdade pessoal" num "bom e articulado trabalho de soberania".