O Presidente da República deixou, este domingo, a porta aberta a que o Dia de Portugal venha a ser comemorado no Brasil em 2018.

Marcelo Rebelo de Sousa defendeu ontem que há uma “oportunidade bilateral única” no momento que Portugal e Brasil atravessam e anunciou uma missão pública portuguesa no domínio económico e empresarial já para setembro.

Marcelo Rebelo de Sousa está em S. Paulo, depois de ter passado pelo Rio de Janeiro para assistir à cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos.

Foi, portanto, em território brasileiro que avançou com a possibilidade de festejar o 10 de Junho fora de Portugal, como de resto aconteceu este ano, o primeiro do seu mandato, em Paris.

Apontou o ano de 2018 por coincidir com a reabertura do Museu da Língua Portuguesa, em São Paulo.

Ontem, perante cerca de 300 empresários naquela cidade brasileira, o chefe de Estado português afirmou-se "paulista por natureza".