O Conselho de Estado manifestou hoje o seu "profundo pesar pela Tragédia de Pedrógão Grande" e decidiu convidar o presidente da Comissão Europeia para a próxima reunião, que ficou marcada para 30 de outubro.

Na breve nota divulgada após a reunião daquele órgão de consulta presidido por Marcelo Rebelo de Sousa, lê-se que o presidente da Comissão Europeia, Jean Claude Juncker, será o convidado do próximo encontro, a realizar em 30 de outubro.

O Conselho de Estado “formulou um voto de profundo pesar pela Tragédia de Pedrogão Grande, evocando respeitosamente as vítimas e manifestando às respetivas famílias e sua viva solidariedade”, refere a nota divulgada após a reunião.

O órgão de consulta presidencial analisou ainda “a atual conjuntura económica e financeira do país", refere ainda o texto.

Esta foi a sexta reunião do órgão político de consulta presidencial convocada por Marcelo Rebelo de Sousa desde que tomou posse, em 2016, tendo ocorrido após um período político mais conturbado na sequência dos incêndios na região Centro e do furto de material de guerra em Tancos.

As duas reuniões estavam previstas para junho, mas acabaram por ser adiadas devido aos incêndios que atingiram o centro do país nessa altura.

Os democratas-cristãos chegaram até a pedir uma audiência ao Presidente da República para abordar as questões de Pedrógão Grande e de Tancos e pedir as demissões dos ministros da Administração Interna e da Defesa.

No debate sobre o Estado da Nação, no parlamento, em 12 de julho, o primeiro-ministro, António Costa, recusou liminarmente a demissão de Constança Urbano de Sousa, com a pasta da Administração Interna, e de Azeredo Lopes, da Defesa.

Desde que Marcelo Rebelo de Sousa tomou posse, em 09 de março de 2016, realizaram-se já cinco reuniões do Conselho Superior de Defesa Nacional, a primeira logo no mês em que assumiu funções, no dia 24.

Em 2016 houve outras três reuniões, em 12 de julho, em 06 de outubro - a bordo do navio-escola "Sagres", na Base Naval de Lisboa - e em 06 de dezembro, no Porto. Este ano, houve uma reunião, no dia 13 de março.

O Presidente da República reuniu anteriormente cinco vezes o Conselho de Estado: em 04 de abril, 11 de julho, 29 de setembro e 20 de dezembro de 2016 e em 31 de março deste ano.