O líder do PSD, Pedro Passos Coelho, garantiu este sábado que a coligação não está nestas eleições legislativas a olhar para trás, mas sim a "olhar e a pensar no futuro do país".

Depois de uma manhã atribulada em Braga, o arranque da pré-campanha da coligação PSD/CDS-PP prosseguiu esta tarde para uma arruada pelo centro da Póvoa de Varzim, distrito do Porto, na qual Passos Coelho e Paulo Portas foram recebidos em ambiente de festa, tendo chegado a ser levantados em ombros pelos apoiantes.

No final da arruada - e antes de seguirem para uma reunião com empresários num hotel do Porto - os líderes do PSD e do CDS-PP subiram para um banco de rua e dirigiram umas breves palavras aos presentes, agradecendo a receção.

"Vai ser uma grande estreia desta pré-campanha, vamos fazer um grande final hoje também [jantar da coligação na Alfândega do Porto] para marcar esta memória de que não estamos aqui a olhar para trás, estamos aqui a olhar e a pensar no futuro do país", garantiu Passos Coelho.

Já Paulo Portas usou a história e a memória: "como diziam antigamente os pescadores da Póvoa, Ala-Arriba", expressão que significa força, para cima.

A comitiva percorreu uma rua pedonal no centro da Póvoa de Varzim e os líderes foram cumprimentando, falando e respondendo às pessoas que os conseguiram abordar, ao som dos tradicionais cânticos das máquinas partidárias, nos quais os nomes dos líderes dos partidos e a palavra Portugal imperaram.