A Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna (SGMAI) recebeu este domingo 4.500 chamadas telefónicas, a maioria relacionada com pedidos de informação de eleitores.

Em comunicado, o Ministério da Administração Interna adianta que a SGMAI recebeu, até às 19:00, um total de 4.500 chamadas, 500 das quais para Área da Administração Eleitoral e 3.850 para o Centro de Recolha de Resultados Eleitorais.

O secretário-geral adjunto da Administração Eleitoral, Jorge Miguéis, avançou à agência Lusa que a maior parte das chamadas telefónicas estava relacionada com pedidos de informação sobre o número de eleitor, secção de voto e freguesia.

Jorge Miguéis disse que a SGMAI recebeu também queixas de eleitores, que foram remetidas para a Comissão Nacional de Eleições.

Segundo Jorge Miguéis, as queixas relacionaram-se com “o dever de imparcialidade e imparcialidade”.