O ex-Presidente da República Jorge Sampaio afirmou, esta quinta-feira, que nunca foi contactado para liderar uma candidatura socialista às próximas eleições europeias.

«Nunca fui contactado e se tivesse sido teria respondido rotundamente que não», garantiu o histórico dirigente do PS, salientando que sempre se mostrou indisponível para candidaturas a cargos europeus.

«Isso é um completo absurdo. Não é com esta idade que se volta à política ativa», frisou, resumindo a questão a «um boato», depois de questionado pelos jornalistas à entrada para um almoço com o presidente da Câmara Municipal de Sintra, Basílio Horta.

O ex-Presidente defendeu que as próximas eleições europeias devem ser uma oportunidade para que «em Portugal se possa debater qual o papel do país no futuro europeu, quais os seus aliados e que contributo pode dar para que seja ultrapassada a atual crise».

«A Europa atravessa um momento difícil», admitiu Jorge Sampaio.