O antigo ministro socialista João Cravinho está no hospital de Braga a fazer exames após se ter sentido mal num almoço comício do PS e está "bem e calmo" naquela unidade hospitalar, informou o partido.

No final da intervenção do líder do PS, António Costa, o ‘speaker' do partido revelou aos presentes cerca das 14:15 que Cravinho "está calmo, está bem, a realizar exames" na unidade hospitalar de Braga e "dentro de algumas horas" serão conhecidos os resultados.

João Cravinho teve uma aparente quebra de tensão no começo do seu discurso num comício do PS em Braga, tendo abandonado a sala debaixo de uma salva de palmas.

João Cravinho havia iniciado a sua intervenção dedicando algumas palavras aos dirigentes do PS local quando se sentiu mal e interrompeu as suas palavras, sendo auxiliado por diversas pessoas presentes no local.

O líder do PS, António Costa, acompanhou Cravinho do palco até à mesa em que se encontrava para almoçar, mas posteriormente - e debaixo de uma salva de palmas - o ex-ministro do primeiro governo de António Guterres abandonou o pavilhão da escola André Soares, em Braga.