José Sócrates vestiu a camisola de defensor do casamento entre pessoas do mesmo sexo. À saída do último debate quinzenal de 2009, o primeiro-ministro considera que se trata de uma «lei inclusiva».

Sócrates sugere Louçã para «assessor de imprensa» de Cavaco

«O país saiu dos carris e avança sem travões»

«Esta lei pretende acabar com a discriminação. Sou de uma geração que o fez e, por isso, tenho o dever de estender a mão às pessoas que sofreram com essa discriminação», frisou, salientando: «Nenhum de nós perderá se os homossexuais se puderem casar».

Ferreira Leite: «Empresas estão obrigadas a vender activos»

Guerra dos hipers: Governo sacode responsabilidade

Sobre as divergências com o Presidente da República, esclarece que «a discordância não significa ter menos respeito» e lembra que a existência desta lei «não desvia o Governo de tentar resolver os problemas económicos: «Haverá alguma razão que nos impeça de combater o desemprego?».