«Aquilo que ficou demonstrado foi que o PS tinha razão com a decisão que o TC tomou sobre esta matéria. Esperamos que as propostas dos outros partidos não tenham muitas diferenças. A nossa posição de princípio, para evitar qualquer dramatismo, é a de que todos os projetos passem para a generalidade e possam ser apreciados com cuidado artigo a artigo porque se trata de questões muitos importantes, sensíveis e com impacto muito grande do ponto de vista económico e jurídico», disse Ferro Rodrigues, após reunião do grupo parlamentar socialista.