O grupo parlamentar do Partido Socialista requereu esta sexta-feira a audição no parlamento do presidente do conselho de administração da TAP, no âmbito da auditoria e do processo de negociação com os sindicatos da companhia aérea.

De acordo com um requerimento do PS enviado à Comissão parlamentar de Economia e Obras Públicas, ao qual a Lusa teve acesso, os socialistas querem que Fernando Pinto apresente as conclusões da auditoria e que medidas foram implementadas na sequência desta.
 

«Importa também avaliar de que modo os problemas ocorridos - atrasos na entrada em operação de novas aeronaves, avarias, atrasos e supressão de voos - afetaram os resultados operacionais da companhia e se esse fator tem influência negativa no preço das ações que o Governo quer agora alienar».


O PS quer ainda ouvir o presidente da TAP sobre as negociações levadas a cabo entre o Governo e os sindicatos da TAP no âmbito dos acordos de empresa.

«O Governo anunciou que durante o mês de janeiro o Conselho de Administração da TAP iria negociar com os diferentes sindicatos do grupo TAP um conjunto de matérias relacionado com os seus acordos de empresa. Daí que seja pertinente fazer um balanço dessas negociações […] e aferir e assegurar uma adequada igualdade de tratamento entre todos os trabalhadores e sindicatos».