A primeira sondagem diária da TVI dá a vitória nas eleições legislativas de 4 de outubro à coligação.
 
As intenções diretas de voto, registadas pela Intercampus para a TVI, Público e TSF, dão à coligação Portugal à Frente 32,7% e o PS a dois pontos e meio de distância, com 30,2%.
 
A CDU é a terceira força política, com 5,2%, e o Bloco de Esquerda regista 3,3%.
 
É quase certa a eleição de um ou mais deputados de outras formações, uma vez que o resultado de outros partidos é de 2,9%.

Destaque ainda para uma grande percentagem de indecisos ou de inquiridos que recusaram responder, que representam 18,5% dos eleitores.
 
Nesta sondagem diária queremos acima de tudo avaliar as tendências de voto e a variação do número de indecisos.
 
Se fizermos a distribuição dos indecisos de acordo com o comportamento médio típico do eleitorado, teríamos estes resultados finais: Portugal à Frente com 40,1% e PS com 37,1% dos votos. Ou seja, Passos Coelho e António Costa estão separados por exatos três pontos percentuais, a duas semanas das eleições.
 
Com a referida distribuição de indecisos, a CDU teria 6,3% dos votos, o Bloco de Esquerda 4%. O total da votação em outros partidos seria de 3,5%. Nove por cento dos inquiridos revela intenção de votar em branco.



 

Ficha Técnica

 
Esta sondagem foi efetuada pela Intercampus entre 18 e 20 de setembro, com o objetivo de conhecer a intenção de voto dos portugueses.
 
A amostra é constituída pela população com mais de 18 anos, residente em Portugal continental. A recolha foi através de entrevista telefónica num total de 753 entrevistas, proporcionais a cada região, utilizando o sistema "entrevista telefónica assistida por computador" (CATI).
 
O erro de amostragem, para um intervalo de confiança de 95%, é de mais ou menos 3,6%. A taxa de resposta foi de 57,6%.