Marisa Matias votou em Coimbra, pelas 10:15 deste domingo. A candidata presidencial pediu a todos que vão votar num "dia único na democracia". 

A candidata presidencial diz esperar que a campanha eleitoral tenha servido para esclarecer as pessoas sobre as propostas existentes.

Hoje “é um dia importante, como todos os dias de eleições” porque “podemos exercer o nosso direito de voto”, acrescentou a eurodeputada.

“Se alguma coisa posso dizer, é que toda a gente venha votar”, insistiu.


Para Marisa Matias é importante que todos os eleitores, “no isolamento da cabine de voto”, possam “decidir conscientemente”.

Questionada se estava confiante, a candidata pediu aos jornalistas para não lhe fazerem perguntas às quais ela não pode responder, neste dia e na assembleia de voto.

A candidata disse esperar, por outro lado, que a campanha eleitoral tenha contribuído para mobilizar os portugueses a participarem nas eleições, para “reduzir a abstenção” e para dar a conhecer “as propostas que existem”.

“Espero que os níveis de abstenção não sejam tão elevados quanto as previsões” apontavam, conclui Marisa Matias, adiantando que iria “almoçar com a família” e que, depois, seguiria para o Porto, para a “noite eleitoral” da sua candidatura.

Marisa Matias participou ainda, na rua, quando saía da assembleia de voto, numa sondagem à boca das urnas, depois de ter advertido que a sua participação no estudo o poderia tornar pouco isento e pouco credível.

Para participação nas redes sociais a hashtag a usar é #presidenciaistvi24 
 
 
Siga a eleição do novo Presidente à República, ao minuto , aqui.