Os partidos mais à esquerda estacionam esta terça-feira as caravanas da campanha eleitoral para as europeias no sul do país, enquanto a coligação Aliança Portugal (PSD-CDS-PP) e o PS estarão pelo Centro, mas uns no litoral e outros no interior.

O dia dos principais candidatos da coligação Aliança Portugal (PSD/CDS-PP) inicia-se com uma visita ao Instituto Pedro Nunes, em Coimbra, seguindo-se contacto com a população e um almoço no estado universitário da cidade dos estudantes.

Uma deslocação por Alcobaça de Paulo Rangel e Nuno Melo vai começar pelas 15:30, seguindo-se uma visita a uma fábrica de moldes na Marinha Grande e jantar na Feira de Maio de Leiria.

Francisco Assis, líder da lista socialista, vai iniciar o dia a contactar com a população do Fundão para seguir depois para a Covilhã, enquanto o almoço foi marcado para Belmonte.

Às 18:00 o candidato participa na conferência «Novos Desafios Europeus», em Meda, e duas horas mais tarde deverá iniciar-se o jantar/comício em Guarda, que contará com a presença do presidente honorário do PS, Almeida Santos, antigo ministro e presidente da Assembleia da República.

A cabeça de lista do Bloco de Esquerda começa o dia de campanha em Évora, com contactos com a população, encontrando-se à tarde com trabalhadores da Kmet.

O final do segundo dia de campanha oficial termina com um jantar-comício, com intervenções políticas de Marisa Matias, além de João Semedo, coordenador do partido.

Ainda mais a Sul, a CDU vai durante a manhã estar pela zona de Silves e depois, já com o secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, o número um da lista às europeias, João Ferreira, encontra-se, em Olhão, com mariscadores, pescadores e viveiristas da Ria Formosa.

Pelas 21:30 deverá começar o comício, também com Jerónimo de Sousa, em Faro.