A coligação Portugal à Frente (PSD/CDS-PP) foi este domingo a força política mais votada em nove dos dez concelhos do distrito de Viana do Castelo, mantendo quatro deputados, tendo o PS ficado com os dois que elegeu em 2011.

A coligação PSD/CDS-PP obteve 45,52% e conseguiu eleger Carlos Abreu Amorim, Luís Campos Ferreira, Maria Emília Cerqueira e Abel Batista.

A coligação conquistou menos votos no distrito de Viana do Castelo, relativamente há quatro anos, quando os dois partidos foram a sufrágio separadamente.

Nas eleições legislativas de 2011, o PSD obteve 43,57%, tendo o CDS arrecadado 13,38%.

Nas eleições de hoje, o PS atingiu 29,82%, contra os 26,25% alcançados nas legislativas de 2011.

Tiago Brandão Rodrigues e José Manuel Carpinteira foram os deputados eleitos para representar aquele círculo, nos próximos quatro anos.

O Bloco de Esquerda (BE) foi o partido que mais cresceu no distrito de Viana do Castelo tendo recolhido 7,96%, o PCP-PEV 5,23%, contra os 4,39% de 2011.

A CDU passou a quarta força política no distrito, ao conquistar 5,23%, contra 4,93% de 2011.

A coligação PSD/CDS-PP venceu hoje em nove dos dez concelhos do distrito de Viana do Castelo, sendo a exceção Paredes de Coura.

A abstenção atingiu nestas eleições os 49,26%, contra 48,54% de 2011.