"Escolhemos os melhores em cada domínio", disse a fonte de Belém, desvalorizando a ligação de Mário Centeno ao PS, como cita a Lusa.

Gracejando que "Mário Centeno é conhecido da Presidência da República há muito tempo", a fonte insistiu que os participantes foram escolhidos porque são "tecnicamente muito bons" ou têm uma "experiência relevante".