O Governo aprovou esta quinta-feira a criação de uma Comissão Interministerial de Coordenação da Resposta ao Ébola, coordenada pelo ministro da Saúde, Paulo Macedo, destinada a «coordenar as respostas e decisões políticas de caráter intersectorial e transversal».

De acordo com o comunicado do Conselho de Ministros, com esta decisão, o executivo PSD/CDS-PP pretende ver «reforçada a coordenação ao nível político do trabalho já desenvolvido pela Plataforma de Resposta à Doença pelo Vírus Ébola».

Esta comissão vai ser «coordenada pelo ministro da Saúde e integrada pelos membros do Governo responsáveis pelos Negócios Estrangeiros, Defesa Nacional, Administração Interna e Infraestruturas e Transportes, e por representantes dos Governo Regionais das Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores», refere o mesmo comunicado.